Marketing, Marketing Digital e Marketing Multinível: entenda algumas diferenças

Tempo de leitura: 8 minutos

O Marketing tradicional está por trás de quase tudo o que nos interessamos, em termos de consumo. Ele possui muitas vertentes. Duas delas são o marketing digital e o marketing multinível, sobre os quais falaremos rapidamente neste artigo. Mesmo que os conceitos de marketing, marketing digital e marketing multinível estejam acessíveis em abundância em muitos livros ou na internet, temos o objetivo aqui de dar a nossa visão, a visão de quem trabalha com estas técnicas há muitos anos e quer lhe ajudar a se direcionar nestes mercados.

Marketing

Melhor que conceituar Marketing é dar uma de suas características principais: mostrar ao consumidor que, ao adquirir algo, terá recebido e agregado um valor em sua vida. Isso é diferente de vender algo a alguém. Muito mais que o produto ou o serviço que o indivíduo adquiriu, ele sente que sua vida está melhor (ou mais valorizada) com aquilo que recebeu. Não o objeto em si, mas o que ele somou (emocionalmente) de bom para a pessoa. Assim, pode-se dizer que Marketing é uma ferramenta, com diversos recursos, que busca mostrar ao consumidor que a aquisição de algo lhe trará benefícios, além do algo em si. E é assim no marketing, marketing digital e marketing multinível.

Coca-cola e Nike

Por exemplo, “Coca-Cola é vida”. Com esta chamada, o principal refrigerante do mundo não é só um refrigerante, mas sim força, ânimo, alegria, prazer e tantas outras coisas que compõe uma vida boa. Já não é mais apenas um xarope doce, coca-cola é vida, e isso vale à pena consumir pois fará a pessoa melhor.

“Apenas faça”, chamada da Nike, mostra ao consumidor que se exercitar “não requer esforço” de sua parte, pois usar o tênis Nike faz a parte difícil. O indivíduo tem simplesmente que começar e ir em frente. Isto é uma boa ideia na mente das pessoas, se exercitar com facilidade, apenas fazer. A qualidade Nike dos produtos é real, mas a mensagem passada é que caracteriza o Marketing.

No entanto, o Marketing tradicional não é só atrair o consumidor por mostrar que produtos e serviços lhe agregarão valor. Existe uma cadeia de ações que envolve a criação de um produto desde a ideia até chegar ao consumidor final. São estratégias que envolvem a demanda, as vendas, a comunicação, a publicidade e o pós-venda. Se a finalidade do Marketing é atrair a atenção das pessoas, gerir Marketing abrange muitas atividades e competência. Com isso, o que as empresas querem entregando “valor” às pessoas, é gerar lucro, o que faz com que possam se manter e crescer.

Marketing Digital

O termo “digital” é um facilitador para o entendimento do conceito, pois logo o associamos às coisas que acontecem no mundo da internet, telefonia celular e outros meios que envolvem tecnologia da informação. Então, por consequência, Marketing Digital é o marketing que acontece através destes meios, sempre com o objetivo de atrair o cliente potencial para o que se quer vender.

A diferença é que nos meios digitais surgem diversas outras estratégias de comunicação e promoção de produtos e serviços. É uma forma de marketing muito mais rica em termos de alternativas para se atingir o cliente. Além dos tipos de ações que existem e surgem a cada época, no Marketing Digital existem métricas para se avaliar o andamento e os resultados das campanhas. Com estas métricas confere-se fielmente todos os parâmetros necessários para saber s a campanha está no rumo certo ou se é preciso mudanças.

Porém, é importante não confundir Marketing Digital com negócios digitais ou com vendas. É possível se fazer uma analogia entre negócios digitais e empresas. Estas são o verdadeiro negócio, enquanto marketing e vendas são setores deste negócio. Então, um negócio digital é aquilo que o empreendedor cria e desenvolve para ter retorno financeiro, enquanto marketing digital e vendas são recursos para conseguir este retorno financeiro, através da aproximação do cliente potencial. Geralmente fazendo parte do setor comercial do negócio. Assim como estes, um negócio digital pode ter ainda setores administrativo, financeiro, produção, distribuição etc.

Algumas estratégias e táticas comuns no Marketing Digital atualmente

Anúncios pagos

Anúncios pagos no Google, Youtube, Facebook ou Instagram são formas digitais de levar o produto ao cliente interessado. Estas plataformas têm meios tecnológicos de fazer chegar a mensagem exata do vendedor a determinado usuário está buscando aquilo, o que facilita muito uma possível compra.

Marketing nas Redes Sociais

Marketing nas Redes Sociais, seja pela pessoa física ou por uma conta empresa, qualquer coisa que se comercialize precisa estar em redes como Facebook ou Instagram. A mensagem atinge muitas pessoas ao mesmo tempo, além de ampliar isso através do compartilhamento.

Email Marketing

Email Marketing é outra forma comum das empresas levarem a mensagem ao cliente potencial, atualizando informações sobre produtos, serviços, eventos etc. Aqui, o importante é que este cliente tenha se cadastrado voluntariamente em algum lista disponibilizada pela empresa, a fim de não caracterizar spam e, ao contrário de atrair, vai espantar um possível comprador.

Marketing de Conteúdo

No Marketing de Conteúdo, muito aplicado em blogs e sites, a maneira de atrair visitantes é o conteúdo disponibilizado. Aqui, o que se quer é que o cliente venha por determinado tema e, estando no blog ou site para se informar a respeito, possa se interessar e adquirir produtos ou serviços a ele ligados. Quanto mais visitantes, mais vendas potenciais. Aqui, é preciso ótimos conteúdos, realmente diferenciados de outros blogs, e também técnicas de SEO (otimização para serviços de busca), a fim de proporcionar ao Google, Yahoo, Bing e demais classificarem bem conteúdos e blogs.

Marketing de Afiliados

já o Marketing de Afiliados se dá através de pessoas ou empresas que buscam afiliar-se à venda do produto. Afiliar-se significa associar-se à venda de algum produto ou serviço de outrem. É trabalhar com a divulgação e venda de produtos digitais (infoprodutos) ou físicos que não são seus, mas estão disponíveis nos meios digitais. É ser um revendedor e receber comissões por vendas. Comissões que, aliás, podem ser bem gratificantes. Trabalhar como afiliado tem elevado os ganhos de muitos empreendedores digitais. Plataformas como Hotmart ou Eduzz, chamadas de marketplaces, são responsáveis por oferecer a hospedagem de milhares de produtos, a fim de que pessoas (geralmente que tenham blogs ou sites) e empresas escolham aqueles aos quais pretendem se afiliar para a promoção e venda.

Sobre Marketing Digital, sugerimos que você saiba mais acessando o site Marketing do Sucesso.

Marketing de Rede ou Multinível (MMN)

Os termos “rede” e “multinível” servem bem para caracterizar esta forma de Marketing. Rede de pessoas; pessoas em muitos níveis. Aqui, grande parte das atividades de Marketing que envolvem comunicação e venda do produto é feita pelos próprios consumidores. Estes consomem o produto e estão autorizados pela empresa a vendê-lo. Isto, encaixando-se num determinado nível hierárquico de vendas que, através de sua própria gestão, mas incentivado e ajudado pelos superiores, formará uma rede (através de recrutamento) de outros vendedores, que também são consumidores e deverão criar as suas próprias redes, ampliando cada vez mais o sistema.

É uma forma de trabalho com muitas vantagens e com possibilidade de lucros imensos. Existem milionários pelo mundo a fora que fizeram sua riqueza com o Marketing de Rede. Você pode perguntar: isto não é Pirâmide? Não. O que diferencia MMN de Pirâmide é, basicamente, que o MMN envolve empresas que fabricam seus próprios produtos ou serviços. E é da venda destes, que deve aumentar sempre com a entrada (ou recrutamento) de novos vendedores, que vêm os ganhos de todos. Já na Pirâmide, muitas vezes não há produto ou serviço envolvido, mas sim a entrada de novos investidores, pois, geralmente, paga-se para entrar no sistema.

Credibilidade no mercado de MMN

Existem empresas gigantes que praticam o Marketing Multinível, pois viram nesta forma de aumentar vendas uma estratégia para multiplicar seus ganhos. Amway, Herbalife, Jequiti, Tupperware, Lyconet, Jounesse, Anne Carline, Mary Kay, Hinode, Avon, Natura e tantas outras empresas praticam o MMN, trazendo confiança e ganhos a este mercado.

Uma palavra é quase sinônimo de Marketing de Rede: recrutamento. Sim, recrutar pessoas para a sua rede é fundamental para o crescimento. Sem isso, seu negócio não tem como deslanchar. Mais que vender, você precisa se transformar num gestor. Um gestor de seu negócio, de sua rede, de seus vendedores (recrutados), dos ensinamentos e treinamentos que passará a eles. Parece difícil, mas é uma questão de trabalho e objetivos. Mas a boa notícia é que o mercado oferece muitas opções de aprendizagem nesta área. Por exemplo, existem as chamadas Maratonas Digitais, onde o objetivo é fazer com que você aumente cada vez mais o número de recrutados, auxiliando na consolidação de sua rede.

Esperamos ter lhe ajudado com este artigo. Depois de ler aqui sobre marketing, marketing digital e marketing multinível, uma pergunta para terminar: você acha que é possível ganhar 100 mil só trabalhando no digital? Clique aqui para saber a resposta.

E seja feliz!

Deixe o seu comentário aqui!

comments